Investigação nas redes sociais: saiba como ela pode ser feita

Um homem usando camisa social e gravata está apontando uma lupa para o computador em sua mesa.

A análise das redes sociais pode servir de ajuda nas investigações e ser ponto inicial para que um detetive encontre pistas cruciais sobre o caso.

Estamos em uma era altamente tecnológica. A qualquer momento do nosso dia, existem diversos dispositivos eletrônicos que armazenam dados e estão conectados à internet. É por isso que a investigação nas redes sociais tem aumentado.

De fato, o Facebook ou Instagram são essenciais para a solução de diversos casos e, por isso, são ferramentas importantes para os detetives. Com apenas alguns cliques, é possível descobrir comportamentos, costumes e como uma pessoa age com esse recurso.

Uma pessoa segura um celular, do qual saem vários emojis.

A seguir, mostraremos como as redes sociais servem de suporte aos investigadores nessa era tecnológica. Não é preciso ser um gênio da tecnologia para descobrir sobre a vida de uma pessoa e concluir um caso da maneira correta.

Veja também: Mitomania: Conheça mais sobre esse transtorno

Analisar as redes sociais de maneira correta pode trazer diversas respostas

Hoje em dia, muitas pessoas no Brasil estão conectadas pelo contexto digital Isso cria uma verdadeira mina de ouro de informações. De certo modo, não é de se estranhar que as redes sociais estão entre as maiores causas ciúmes entre os casais.

Ou seja, é possível descobrir traição pela internet com apenas alguns cliques. Por conta de alguns rastros que pessoas infiéis deixam, os indícios de deslealdade no casamento são cada vez mais aparentes através de uma investigação minuciosa.

Uma mulher com rabo de cavalo está chorando enquanto olha para o seu celular.

Mas, não é apenas traição o foco da investigação nas redes sociais.  Os detetives também se valem da internet para procurar pistas de desaparecimento de pessoas da família, sequestros, roubos, entre outros cenários. 

Geralmente,  casos que envolvem família, por exemplo, encontrar um parente como mãe e pai, a internet pode ser de grande ajuda. Além de pesquisar por nome e sobrenome, é possível analisar fotos encontradas nas redes sociais. 

De fato, estas pistas podem se tornar cruciais para concluir um caso, seja ele de traição ou de reencontro familiar.

Como usar as redes sociais e o Google para investigação?

O primeiro passo do detetive quando usa a internet como aliada para desvendar um caso é checar os perfis em redes sociais. Muitas pessoas não se preocupam com a questão da privacidade e, dessa forma, transformam o Facebook ou Instagram em um livro aberto.

As publicações podem ser utilizadas de diversas maneiras pelos investigadores. Em casos de divórcio litigioso, por exemplo, fotos e vídeos que comprovam a traição do parceiro, podem ser usados para o desfecho da investigação.

Saiba mais: Está se divorciando? Como um detetive particular pode ajudar

O detetive tende a analisar todas as redes sociais, inclusive portais antigos que não são usados há anos, para entender o comportamento do investigado. Apesar de haver menos probabilidade de detalhes ou provas, outras plataformas podem indicar lugares e interesses.

Em outros casos como encontro com algum parente, além das redes sociais, o Google também pode ser útil durante a investigação. Um mecanismo de busca grande como esse pode fazer com que encontre pistas importantes sobre o paradeiro de determinada pessoa.

As mãos de uma pessoa estão sobre o teclado de um computador. Na tela há uma lupa.

Muitos usuários não percebem a quantidade de informação disponível sobre quase todo mundo na internet. Simplesmente, ao pesquisar o nome de alguém, pode aparecer diversos detalhes como idade, nacionalidade e muito mais.

Outra forma que os detetives usam para encontrar pistas nos mecanismos de busca, é a pesquisa reversa de imagens. Dessa forma, é possível encontrar fotos em redes, blogs, perfis de namoro e outros recursos que podem levantar algum tipo de suspeita.

As redes sociais são importantes para as investigações

Com tudo que foi dito acima, as redes sociais tendem a ser importantes para o trabalho dos investigadores. Nelas, é possível encontrar informações valiosas e pistas que ajudam a solucionar diferentes questionamentos. 

Lembre-se de que qualquer pessoa pode ter acesso a vestígios de traição ou outro cenário na internet. No entanto,  somente um profissional especialista em investigação nas redes sociais pode encontrar as respostas corretas.

Um homem usando camisa social e gravata está apontando uma lupa para o computador em sua mesa.

Afinal, em uma investigação virtual, é preciso cautela,  atenção e, claro, agir dentro da lei de proteção de dados e sigilo. Por isso, a presença de um profissional é o melhor caminho a seguir.

Portanto, caso seja necessário,  recorra a um detetive particular virtual para que você descubra o que precisa de forma correta e abrangente. Já possui alguma suspeita? Comente abaixo!

Para entender como funciona o trabalho de investigação de um detetive e conteúdos relacionados ao assunto, clique aqui e acesse o nosso blog. Explicamos de maneira simples e objetiva como podemos te ajudar com foco na segurança e no seu bem-estar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale Conosco pelo WhatsApp