Compartilhe

O amor não dá garantias. De absolutamente nada. Por isso cenários de infidelidade conjugal costumam ser tão perturbadores. O futuro a dois pode ser tão sólido quanto incerto.

Amor e ciúme podem levar uma pessoa a lugares inimagináveis. Por exemplo, a um escritório de investigação particular. Quantas pessoas – que um dia contrataram um detetive particular – imaginaram que viveriam em tamanha desconfiança? Nenhuma. Um detetive atrás de um homem ou uma mulher é história que se lê nos jornais, jamais que se vive em casa.

Contudo, a única coisa mesmo a temer é o tormento da dúvida. Bons detetives estão preparados para resolver casos de infidelidade conjugal numa média de cinco a dez dias. Rápido.

Não importa a razão – se afetiva, sexual ou moral – casos de investigação conjugal sempre podem desencadear inúmeras reações: desde o perdão à vingança, e não raro à violência. Por isso o trabalho de um detetive deve ser muito cuidadoso.

Quando é a hora de contratar um detetive particular?

Uma investigação conjugal pode ter motivações variadas, mas quase sempre está ligada ao medo de perder o parceiro para um terceiro. Quem contrata um detetive quer saber se o companheiro está mantendo relações sexuais com outra pessoa, independentemente de uma possível ligação afetiva. Ainda que haja evidências de frustração e insatisfação na relação, quem contrata um detetive e comprova suas suspeitas, sofre bastante.

É importante deixar claro que não é da alçada de um detetive comprovar as razões da infidelidade. Muito menos se há afeto, culpa ou arrependimento nas ações, antes ou depois do flagrante.

Apenas como um constatador de fatos, o detetive reúne provas da infidelidade e as entrega ao cliente. É o cliente que, se desejar, deve tratar as justificativas – assim como as consequências – com outros profissionais como terapeutas, líderes religiosos e advogados.

Quando se constata a infidelidade conjugal, o cliente normalmente passa a viver em sentimentos de surpresa, desapontamento, dúvidas sobre si mesmo e sua capacidade de ser amado, o que leva ao rebaixamento da autoestima, à angústia, culpa pela incapacidade de satisfazer o parceiro de todas as formas; à raiva, à vingança e até mesmo à negação.

O que é a infidelidade para um detetive particular?

Em que consiste, contudo, a infidelidade? Infidelidade conjugal é a quebra de confiança do compromisso do casamento, que habitualmente é ancorado em preceitos religiosos quando ambos os cônjuges prometem – diante de sua comunidade e família – não se envolver em relacionamentos sexuais com terceiros.

A infidelidade é o rompimento desse laço de confiança. Normalmente consumado pelo ato sexual, ou seja, tendo o corpo como instrumento, a infidelidade consiste na perda do fundamento da relação, o que gera consequências inúmeras e não só ao casal, mas também aos filhos e demais familiares – por vezes até no amante.

Detetives normalmente trabalham na captura de provas que indicam esse tipo de infidelidade: contato sexual de qualquer tipo, beijo, toques íntimos, sexo oral. A investigação conjugal particular não costuma captar provas de outros tipos de relação, como as que possuem apenas vínculo emocional e afetivo por uma terceira pessoa, por exemplo.

O custo de uma investigação conjugal varia de caso a caso, mas a média diária é de R$ 800,00. O tempo médio para a solução do caso é de cinco a dez dias, então, o total sai em torno de R$ 5.000,00. Contudo, é importante frisar que o valor depende de muitas variantes.

Vantagens de se contratar um detetive particular

As vantagens de contratar um detetive no caso de desconfiança do cônjuge são inúmeras: imparcialidade é a primeira delas; contar com provas concretas é imprescindível também, uma vez que “achismos” e interpretações enviesadas não são consideradas. Ou há a prova do fato, ou não há veredito. Responsabilidade é o princípio número em um trabalho sério de investigação de infidelidade no casamento.

As provas para o fechamento do caso são capturadas por equipamentos de última geração: máquinas fotográficas, gravadores de áudio e vídeo, microfones, rastreador veicular e até softwares de monitoramento, devidamente instalados em celulares e notebooks.

Seja como for o método adotado pelo cliente, uma investigação feita por profissionais sérios e discretos é tudo o que uma pessoa vítima de suspeitas pode optar para resolver suas desconfianças.

Confiança e profissionalismo podem ajudar muitas pessoas a recomeçar suas vidas.