Infelizmente, é comum cometer erros na hora da contratação, mas a investigação de babás pode eliminar a chance de qualquer equívoco

 

As pessoas com as quais uma criança deve passar mais tempo são seus pais ou responsáveis. Porém, não é possível passar todo o dia com eles, principalmente por causa do trabalho e de outros compromissos.

Geralmente, recorre-se ao auxílio de parentes, como avós ou tios, mas, caso estes também não tenham disponibilidade, a solução é contratar uma babá.

Essa não é uma escolha simples, já que a pessoa ficará quase o dia inteiro com a criança.  Por isso, saiba quais são os erros mais comuns cometidos na hora da escolha. Assim, você não colocará a saúde e a integridade da criança em risco.

 

Erros Mais Comuns na Contratação de Uma Babá

  • Não procurar saber sua reação em Casos de Emergência
  • Não Investigar seus hábitos
  • Não confirmar se as referências são verdadeiras
  • Não instalar câmeras e babás eletrônicas
  • Não checar seus antecedentes criminais
  • Não saber se a pessoa é paciente com crianças
  • Contratar pessoas que trabalhem apenas pelo dinheiro

 

1 – Não procurar saber sua reação em Casos de Emergência

Quando se trata de bebês e crianças, todo o cuidado é pouco. Afinal, alguns segundos de desatenção podem desencadear uma emergência, como um tombo, o gás do fogão aberto ou até mesmo um machucado mais sério.

Por ser a pessoa que estará mais próxima à criança, é imprescindível que ela não perca sua atenção por nem um minuto. Porém, acidentes acontecem, e é a reação dessa profissional que poderá fazer toda a diferença.

Procure saber se ela possui noções de primeiros socorros e como se comporta em emergências. Caso ela entre em desespero e fique paralisada, com certeza não é uma boa reação, pois pode fazer com que ela perca minutos preciosos para um atendimento.

 

2 – Não Investigar seus hábitos

Qualquer vício que a cuidadora apresente é um sério problema. E não pense que apenas álcool, cigarro e drogas são perigosos: muitos outros hábitos são bastante prejudiciais.

Pode ser que a pessoa não saia do celular por um minuto, seja com ligações ou com acessos à redes sociais. Se isso for verdade, as chances de que ela não preste atenção na criança são muito maiores.

Por isso, pessoas que tenham qualquer vício ou hábito não devem ser escolhidas, pois esses costumes podem tirar mais de sua atenção do que os cuidados com a criança.

 

3 – Não confirmar se as referências são verdadeiras

Muitas empresas adotam as referências de gerentes e chefes anteriores para ter maiores informações a respeito de um candidato.

Se isso é importante em um ambiente de trabalho convencional, quanto mais na hora de contratar alguém para cuidar de seu filho!

Então, busque referências sobre a candidata à babá. O melhor é falar com pessoas que já contaram com seus serviços, mas, caso não seja possível, peça referências à pessoas próximas, como namorado, cônjuge, pais, tios ou primos.

Nesses casos, porém, é importante prestar ainda mais atenção nas opiniões, já que elas podem ser um pouco parciais. Nunca se baseie pela opinião de apenas uma pessoa, e sim de pelo menos três.

 

4 – Não instalar câmeras e babás eletrônicas

Por maior que seja a confiança, nunca é demais ter cuidados adicionais. Um dos principais erros está em não instalar equipamentos especiais para o cuidado de crianças, como câmeras e babás eletrônicas.

Além de ser mais um meio de segurança, os pais e responsáveis poderão ficar ainda mais tranquilos quanto às crianças, já que elas serão monitoradas continuamente.

Além do mais, caso ocorra algum problema com a criança durante o trabalho dessa profissional, causado por desatenção ou até mesmo por maus tratos, as imagens de uma câmera podem ser utilizadas como prova judicial.

É importante informar a cuidadora de que existem câmeras ou outros equipamentos similares na casa. Quando isso acontecer, preste atenção na sua reação: qualquer pontinha de preocupação ou descontentamento pode ser um sinal negativo.

 

 

5 – Não checar seus antecedentes criminais

É de extrema importância saber se a pessoa que terá total contato com seu filho, sua família e sua casa já teve alguma passagem pela Polícia. Caso positivo, essa profissional não deve ser contratada, pois as chances de que ela cometa algum delito são muito maiores.

Existem alguns crimes que não são levados ao conhecimento da Polícia. Para ter certeza de que a pessoa em questão jamais teve qualquer envolvimento policial, basta recorrer a um detetive particular experiente em investigação de babás.

 

6 – Não saber se a pessoa é paciente com crianças

A virtude mais básica de uma cuidadora é sua paciência, já que o comportamento e as atitudes de uma criança são totalmente diferentes das de um adulto.

Logo, é importante saber se a pessoa é paciente com seus familiares, amigos e outros, o que pode ser feito durante a coleta de referências. Se ela não é muito paciente nem com adultos, quanto menos com crianças.

Além de a contratação de uma profissional impaciente ser perigosa para o bebê diretamente, isso pode ter sérias implicações em seu desenvolvimento emocional futuro. Por isso, contratar pessoas assim deve estar fora de cogitação.

 

7 – Contratar pessoas que trabalhem apenas pelo dinheiro

É claro que este é um recurso desejado pelas babás e por todos os profissionais, mas, principalmente nesse caso, o dinheiro não pode ser o fator principal. Cuidar de uma criança não é um bico, e sim uma responsabilidade muito grande.

Portanto, no momento da entrevista com a pessoa, pergunte o porquê de ela querer trabalhar como cuidadora. Se a gana por dinheiro for muito grande, é melhor entrevistar outras candidatas.

 

Importância da Investigação de Babás

É para evitar esses e diversos outros erros que existe um serviço especializado em investigar babás e candidatas à função.

Esse trabalho é feito com total sigilo, por profissionais discretos e que acompanharão todo o cotidiano da pessoa.

Tudo será relatado ao contratante do serviço e, caso confirmado algum comportamento ou atitude que não condiga com a função, a pessoa deve ser descartada de imediato.
Optar pela investigação de babá é extremamente importante e pode evitar problemas graves no futuro. Por isso, não pense duas vezes, conte com esse serviço e fique totalmente despreocupado com a profissional escolhida.