Credibilidade, confiança e comprometimento são os pilares do trabalho de um detetive

 

A profissão de detetive, apesar de muitas vezes banalizada, é uma das mais importantes ocupações dos tempos atuais. Um detetive pode ser o responsável por descobrir de onde vem um grande rombo de uma empresa, encontrar uma pessoa desaparecida, ou se uma criança está sofrendo maus tratos de uma babá ou familiar, por exemplo.

Além de ser um trabalho que mexe com o emocional das pessoas, precisa de tato, credibilidade e comprometimento com a vida dos envolvidos. E estas características só um detetive de qualidade pode reunir. Confira sete técnicas que um bom detetive utiliza na hora da investigação.

 

Olhos atentos

Para garantir a eficácia na investigação, um bom detetive acompanha de perto os detalhes dos fatos. Com os olhos atentos, característica emblemática desse profissional, ele descobre e frequenta os mesmos locais do investigado, sendo esta a maneira mais segura de reunir as provas verdadeiras que o cliente precisa.

 

Fontes seguras

E, para estar no lugar certo e na hora certa, a melhor forma é conhecendo as fontes exatas. Por isso, além de “vigiar” o investigado, um detetive profissional deve fazer contato com as pessoas mais próximas para descobrir mais pistas sobre o que se espera da investigação.

 

Disfarce e discrição

Esqueça a capa longa e a lupa dos filmes da televisão, mas na vida real, um bom investigador precisa, sim, saber se camuflar, mas o disfarce pode estar não somente na roupa que usa, mas no comportamento e abordagem das pessoas no momento da investigação, por exemplo. Discrição é também uma forte característica deste profissional.

Equipamentos adequados

Um detetive nunca fica para trás, está sempre um passo a frente. E a tecnologia é principal aliada de um profissional que busca excelência no serviço oferecido.  

Os equipamentos de detetives são ferramentas essenciais nas investigações mais aprofundadas. Portanto, usar e abusar de instrumentos de alta tecnologia vai garantir uma melhor qualidade do serviço oferecido. Câmeras fotográficas, filmadoras e canetas espiãs são as mais usadas.

Além disso, para descobrir casos de infidelidade, principalmente, os detetives usam o “Software Espião”, que sugere ao cliente presentear a pessoa a ser investigada com um celular ou notebook. O sistema vai ser responsável por monitorar as conversas e mensagens trocadas na máquina ou dispositivo.

Já os rastreadores veiculares, usados em todos os tipos de investigação, podem ser os responsáveis por descobrir uma ida ao motel, um encontro do funcionário com um concorrente, saber onde um filho anda ou qualquer outro tipo de situação inusitada.

 

Sigilo

Quando um cliente procura por um serviço de investigação, o que ele mais deseja, além de discrição, é o sigilo dos fatos. E um bom detetive nunca expõe o seu cliente nem revela detalhes da investigação, caso seja reconhecido ou interrogado pelo investigado. Aliás, um bom profissional nem deve se permitir chegar ao ponto de ser reconhecido.

 

Boas referências

Ninguém contrata um serviço de detetive como escolhe um sabor de pastel na feira. As boas referências e sucessos anteriores é o que aumenta a demanda de trabalho de um detetive. A seriedade e o comprometimento com a vida do seu cliente pode abrir muitas portas para neste meio.

 

Credibilidade e comprometimento

Para garantir um trabalho de excelência, o detetive particular precisa passar a seriedade necessária para o cliente, e este quesito está na reunião de todos os tópicos anteriores, sendo executados de uma só vez.

E, nessa questão, a Líder Detetives acumula anos de experiências e resultados exitosos. Em sua equipe, conta com os melhores e mais adequados profissionais de acordo com cada necessidade. Afinal, não basta apenas querer ser um detetive, é preciso muito preparo e técnica que só muitos cases de sucesso podem oferecer.